Alergia Alimentar

As alergias alimentares são cada vez mais comuns, consiste numa reação do sistema imunológico após a ingestão de um determinado alimento, estas reações variam consoante a alergia e nos casos mais graves pode mesmo causar a morte.

A maioria das alergias manifesta-se desde a infância, nesta altura é fundamental distinguir a alergia alimentar da intolerância alimentar, estas diferem nos sintomas e reações do corpo. A intolerância é menos grave que uma alergia alimentar.

Numa alergia alimentar o sistema imunológico produz anticorpos e histamina a determinado alimento, ou componente alimentar.

Principais alimentos que causam alergia

Tópicos

Continuar a Ler...

  • Leite
  • Ovo
  • Glúten (doença celíaca)
  • Amendoim
  • Frutos do mar (camarão, caranguejo, lagosta)
  • Soja
  • Frutos secas

Sintomas de Alergia alimentar

A maioria dos sintomas surge após a ingestão do alimento que causa alergia, cerca de 2 horas, embora em alguns casos possam surgir mais tarde. Nos bebés quando ocorre a introdução da alimentação complementar recomenda-se que os alimentos sejam introduzidos um a um sempre com um espaçamento de ¾ dias entre eles para avaliar uma possível alergia a determinado alimento.

Os sintomas podem ocorrer em diferentes partes do corpo e variam de pessoa para pessoa e consoante o grau de alergia, entre os mais comuns encomtram-se:

Os sintomas de alergia alimentar surgem até 2 horas depois do indivíduo ingerir o alimento que lhe cause alergia, e estes sintomas podem variar, sendo mais ou menos evidentes, dependendo da quantidade de alimento que o indivíduo ingeriu e da própria reação do organismo. Os sintomas de alergia alimentar geralmente são:

Sintomas de alergia alimentar na pele

  • Manchas vermelhas e inchadas na pele.
  • Inchaço dos lábios, garganta,  pálpebras e da língua.
  • Aftas.
  • Falta de ar ou dificuldade para respirar.
  • Dor abdominal.
  • Vómito.
  • Diarreia.
  • Cólicas estomacais.

O sintoma mais grave e que pode levar à morte quando não é tratado de forma imediata é a anafilaxia, neste caso o corpo combate o alimento com substâncias provocando um choque anafiláctico, que leva à diminuição da pressão arterial, taquicardia e distúrbios gerais da circulação sanguínea.

Tratamento de uma alergia

O tratamento para alergia alimentar consiste em deixar de comer o alimento a que se tem alergia, em caso de consumir o alimento por engano, deve ser encaminhado para o hospital mal apresente os primeiros sintomas.

Compartilhar Artigo

Alergia Alimentar