Dieta Gracie

Emagrecer é hoje em dia uma das maiores preocupações de uma franja alargada da população. Seja por motivos estéticos, seja para ganhar mais saúde, a verdade é que são cada vez mais as pessoas que procuram métodos e dietas para perder peso. Mas uma dieta não tem de ser necessariamente apenas para emagrecer.

Uma dieta equilibrada e saudável é igualmente fundamental para prevenir doenças, ter mais energia, obter um rendimento físico mais elevado, e claro, para manter a saúde física e mental.

Neste artigo poderá conhecer uma das dietas que mais fãs tem ganho nos últimos anos: a dieta Gracie. Saiba toda a história à volta desta dieta, e conheça os seus fundamentos básicos.

A história da dieta Gracie

Tópicos

Continuar a Ler...

Carlos Gracie, criador e fundador do Jiu-Jitsu moderno, nem sempre foi um campeão e um homem com um físico impressionante. Durante parte da sua juventude e início da vida adulta, Carlos Gracie foi um homem com uma saúde frágil, com enxaquecas, pleuras e ataques de gota.

A dada altura da sua vida Gracie decidiu alterar essa situação, e inspirando-se na máxima de Hipócrates “Faça da alimentação o seu remédio”, Carlos decidiu estudar tudo o que podia sobre nutrição, chegando ao fim de alguns anos à sua proposta de dieta, a chamada dieta Gracie.

Através dessa dieta, Gracie tornou-se um homem saudável e atlético. Para provar a eficácia do seu método, ele aplicou-o na sua família, tendo formado uma prole de campeões.

Dieta Gracie

Como funciona a dieta Gracie

Os fundamentos desta dieta baseiam-se numa combinação de alimentos que permite manter o pH de uma refeição o mais neutra possível. O pH neutro ajuda a combater os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento e por muitas doenças.

Além disso, esta dieta promove ainda um controlo de peso efetivo, fundamental para a manutenção da saúde do organismo.

Para isso, é necessário seguir algumas orientações básicas no dia-a-dia, e ainda, saber que alimentos se devem ou não combinar. De seguida conheça os fundamentos básicos da dieta Gracie.

– Entre cada refeição deve dar um intervalo de 4h a 4h30, para que quando voltar a comer, já a digestão dos alimentos da refeição anterior esteja completa. Caso não esteja, as reações resultantes da digestão contínua irão provocar uma maior acidez do sangue. Desta forma, a dieta Gracie preconiza que não deve fazer lanches, e limitar-se apenas a beber água entre cada refeição.

– Na dieta Gracie deve procurar ingerir os alimentos na sua forma natural, em detrimento de alimentos processados, artificiais ou embalados.

– Um dos fundamentos básicos está ligado à correta combinação de alimentos. Assim, deve evitar fazer combinações que aumentem a acidez do sangue, como misturar vários cereais, açúcar e gordura, arroz e feijão, etc. Deve evitar ao máximo comer carne de porco e beber bebidas alcoólicas.

Compartilhar Artigo

Dieta Gracie